Sexta-feira, 14 de dezembro de 2018 -
Economia

G1 PR

23/11/2016 16:03:00

Funcionários do Bradesco protestam e fecham 14 agências em Curitiba

Trabalhadores reclamam do processo de transição entre HSBC e Bradesco. 14 agências e um centro administrativo fecham nesta quarta-feira (23).

14 agências do Bradesco estarão fechadas nesta quarta-feira (23), em Curitiba (Foto: Divulgação/ Sindicato dos Bancários de Curitiba e Região )

Funcionários do Bradesco decidiram paralisar as atividades nesta quarta-feira (23) para protestar sobre a recente transição do HSBC ao Bradesco. Em Curitiba, 14 agências e o centro administrativo do Palácio Avenida ficarão fechados.

A paralisação envolve aproximadamente 500 funcionários na capital e também ocorre em outras cidades brasileiras, segundo o Sindicato dos Bancários de Curitiba e Região.

O Bradesco foi procurado pelo G1 e disse que não vai comentar o assunto.

 

De acordo com o presidente do sindicato, Elias Jordão, os funcionários lutam para que vários direitos que teriam sido retirados unilateralmente sejam mantidos. "O processo de transição teria sido um caos, com falta de treinamento e preparo, sobrecarga de trabalho e horário dos funcionários e, claro, muito transtorno aos clientes", disse.

O sindicato disse ainda que o Bradesco não está pagando horas extras aos trabalhadores.

O número de agências fechadas na capital representa aproximadamente 10% do total. As demais estão funcionando normalmente.

A aquisição do HSBC Brasil pelo Bradesco foi concluída em julho pelo valor de R$ 16 bilhões. Com o negócio, o Bradesco assumiu todas as operações do HSBC no Brasil, incluindo varejo, seguros e administração de ativos, bem como todas as agências e clientes.

 

Comentar

ATENÇÃO! Os comentários são moderados pelo administrador do site.

(Todos os campos são obrigatório. Seu e-mail não será divulgado.)

Nome: E-mail: Comentário:
Restam caracteres.

Comentário(s) desta notícia

Não há comentários

Seja o primeiro a comentar esta matéria.