Quarta-feira, 19 de dezembro de 2018 -
Saúde

Barra Direto / ALANNA FERNANDES

02/05/2017 07:01:00

Terapia com o uso de cavalos será implantada em Barra do Garças

Fisioterapia com o uso de cavalos acelera tratamento

Edevilson Arneiro

Garrincha à esquerda, explica o projeto e à direta a Fisioterapeuta Cidiane Porto acompanha

O vereador Francisco Candido da Silva (PV), o Garrincha, apresentou no último dia 26, o projeto que viabiliza a implantação da terapia com o uso de cavalos, chamada de equoterapia. Na reunião de apresentação, estavam outros vereadores, funcionários de prefeituras de cidades próximas e representantes ligados a Organização não governamental (ONG) Amigos dos animais. O principal objetivo dessa reunião era obter apoio para implementar o projeto.

A viabilização será através do Centro de equoterapia Grimalda Rodrigues Santos, criado em parceria com a ONG Amigos dos animais. Segundo a fisioterapeuta do Centro, Cidiane Porto Lopes Vila Verde, o principal benefício do tratamento é o resultado rápido. “É um método de reabilitação muito eficaz devido aos movimentos intencionais do cavalo, além de ser uma prática que proporciona motivação. Então, o desenvolvimento é muito mais potencializado com a equoterapia do que no consultório.”

Para que os atendimentos sejam realizados com qualidade, a chácara em que ocorrerá o atendimento precisa ser reformada obedecendo à acessibilidade. Também precisa de elementos que proporcione conforto aos pacientes e acompanhantes. Além disso, precisa ser equipada com os aparelhos necessários para um atendimento de qualidade e de profissionais para garantir o bom andamento do local e da atividade.

Até agora, o Centro de equoterapia conseguiu a doação de três cavalos e uma cela. O vereador Garrincha tem apoiado financeiramente e com mão de obra, para que o local esteja pronto o mais rápido possível. 

Além de buscar o apoio da Câmara de vereadores e da Prefeitura, a ONG Amigo dos animais pretende trabalhar com outros meios de arrecadação de verba para manutenção o Centro, como rifas e bingos.

O Centro de equoterapia oferecerá atendimento gratuitamente e será voltado para crianças com deficiência, mas segundo a atual presidente da ONG, Thais Cristina Carrion, os adultos que precisarem do atendimento também poderão ser assistidos.

Vereador Garrincha apresenta projeto de instalações a uma mãe interessada

A importância dessa terapia para Barra do Garças

Thais contou que a ideia de trazer o atendimento de equoterapia para Barra do Garças surgiu no ano passado quando ela teve contato com um centro de equoterapia de outro município.

“Eu gostei da ideia, porque aqui em Barra do Garças só a APAE oferece tratamento para crianças com necessidades especiais. Eu falei com o Garrincha para que esse projeto fizesse parte do plano de proposta dele, porque a cidade precisa.” Afirma Thais.

No dia 01 de fevereiro deste ano, a ONG organizou uma reunião para explicar como funciona equoterapia, foram convidados a Câmara de Dirigentes Logístas, mães e pais de crianças com deficiência, o Sindicato Rural, a Organização Mundo Azul e a Câmara de Vereadores.  A Secretaria de Saúde e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) também foram convidados, mas não compareceram. Depois dessa reunião, 16 crianças foram matriculadas, até o dia 26 de abril.

A fisioterapeuta trabalha há cerca de nove anos e sempre esteve envolvida na área de reabilitação. Há dois anos ela trabalha com equoterapia e afirma que o tratamento mudará a vida das crianças de Barra do Garças. “Existem estudos científicos que afirmam que uma sessão de equoterapia é equivalente a um mês de terapia convencional.”

As principais indicações são crianças com paralisia cerebral, lesão medular, cindrome de down, hiperatividade, autismo, doença de Parkinson, Acidente Vascular Cerebral (AVC), além das indicações ortopédicas, “É uma vasta gama que essa terapia alcança, então eu acho que Barra do Garças vai desafogar outros setores da saúde com a implementação da equoterapia.” Afirma Cidiane.

Comentar

ATENÇÃO! Os comentários são moderados pelo administrador do site.

(Todos os campos são obrigatório. Seu e-mail não será divulgado.)

Nome: E-mail: Comentário:
Restam caracteres.

Comentário(s) desta notícia

Não há comentários

Seja o primeiro a comentar esta matéria.