ALMT - Isso é lei
Quarta-feira, 23 de agosto de 2017 -
Polícia

Barra Direto / DA REDAÇÃO COM ARAGUAIA NOTÍCIA

12/08/2017 16:54:00

Rapaz é morto com vários tiros em Aragarças

Ele tinha saído da cadeia há quinze dias e foi dar um passeio perto da Vila Ceará quando foi alvejado com vários tiros. Henrique entra para triste estatística com 9 mortos nos últimos quatro meses na região de Barra e Aragarças.

Reprodução

O ex-detento Henrique Pinheiro dos Santos, 24 anos, chegou a ser socorrido ao Pronto Socorro de Barra do Garças mas não resistiiu aos ferimentos e morreu horas. Ele foi alvejado com pelo menos seis tiros por volta do meio-dia de sábado (12/8). De acordo com a Polícia Militar (PM), Henrique estava perto de uma praça na Vila Ceará quando foi surpreendido por elementos numa moto preta que efetuaram os disparos e saíram em alta velocidade.

Henrique já teve passagens policiais por roubo, tráfico e porte de arma. Ele saiu dia 27 de julho da cadeia e tinha uma tatuagem de palhaço na perna normalmente utilizada por elementos que não gostam da polícia. No passado, ele cometeu assalto a um um moto-taxista em Bom Jardim em que a arma lencou contra a vítima que escapou de morrer e ainda atirou contra uma viatura da polícia. O irmão dele já sofreu uma tentativa de homicídio perto de uma boate na avenida Beira Rio.

Viaturas da PM estiveram na Vila Ceará a procura de informações sobre os autores do homicídio, porém conseguiram poucos detalhes. Infelizmente numa situação como essa se impera uma lei do silencio onde as pessoas ficam com medo de comentar ocorrido. Com essa morte agora já são nove na região em que as vítimas eram usuárias de drogas.

Mais oito assassinatos

Nos últimos meses, na região de Barra do Garças e Aragarças já foram registrados oito homicídios de jovens. A maioria com problemas de dependência química e que tiveram passagens na polícia.

No dia 28 de julho, foi assassinado Jefferson Rodrigues Borges, 22 anos, conhecido como Jefinho, perto do Auto Posto Carinho na avenida Ministro Joao Alberto em Aragarças.

No dia 13 de julho, dois garotos que moravam em Barra do Garças foram assassinados em Novo São Joaquim: Willian Marques Fernandes, 19 anos, vulgo Pica-Pau, e Vinicius Soares Nogueira, de 18 anos.

No dia 11 de julho, mais dois foram assassinados no intervalo de uma hora. Em Barra do Garças, homens de moto executaram com vários tiros o ex-detento João Carlos Gomes Feitosa, 31 anos, conhecido como Jamaica no setor Senamarques. Em menos de uma hora foi morto também a tiros o ex-detento Rodrigo Moraes da Silva, 24 anos, conhecido como Ratinho, que estava na porta de casa em Aragarças.

No dia 18 de junho, o ex-detento Wesley de Souza Araújo, 43 anos, conhecido como Lagartixa foi assassinado no bairro Zeca Ribeiro. Segundo informações da Polícia Civil, Wesley estava sentado na calçada em frente a casa dele quando chegaram os autores dos disparos também de moto.

No dia 30 de maio faleceu no hospital o jovem Eduardo Araújo Silva, 19 anos, que havia sido baleado dois dias antes após uma confusão que começou dentro de uma boate na avenida Beira Rio em Aragarças-GO

A sequência de assassinatos começou no dia 19 de abril quando foi encontrado o corpo de Djonathan Soares Fraga, 17 anos, dentro do Córrego Grande na Br 070 na saída de Aragarças-GO. Ele tinha uma tatuagem no peito CV e se dizia membro do Comando Vermelho.

A polícia não descarta a hipótese que estes crimes estejam interligados e que um dos motivos seja a questão de dividas dos usuários com traficantes. 

Comentar

ATENÇÃO! Os comentários são moderados pelo administrador do site.

(Todos os campos são obrigatório. Seu e-mail não será divulgado.)

Nome: E-mail: Comentário:
Restam caracteres.

Comentário(s) desta notícia

Não há comentários

Seja o primeiro a comentar esta matéria.

Águas de Barra do Garças
Elaine Souza
Israel Barbosa
EuMeDeiBem.com