Domingo, 16 de dezembro de 2018 -
Educação

Barra Direto com Semana 7 / JESSICA BACHEGA/HIPER NOTíCIAS

25/09/2017 16:43:00

Investigado por mensalinho, ex-deputado continua lecionando em curso de Direito

Reprodução

O procurador do Estado Alexandre Cesár irá continuar a dar aulas no curso de Direito da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). O advogado foi filmado recebendo dinheiro no gabinete do ex-chefe de gabinete Silvio César. O advogado também é citado na delação do ex-governador Silval Barbosa (PMDB) como um dos beneficiários de mensalinho em sua gestão.

Por meio de nota, a assessoria de  imprensa da universidade informou que irá acompanhar de perto as investigações contra o professor, mas que não tem pretensão de afastá-lo.

Em sua delação, Silval relata que enquanto era deputado estadual, Alexandre César foi um dos recebedores do dinheiro repassado pelo governador, de forma ilícita, aos parlamentares para garantir a “governabilidade”, ou seja, não atrapalhassem os projetos que eram de interesse do grupo criminoso liderado pelo peemedebista.

Em áudio gravado pelo ex-secretário de Indústria e Comércio, Alan Zanatta, Silvio César confessa que Silval queria proteger Alexandre César e lamentou que ele tivesse sido filmado.

Confira nota

A Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) acompanhará atentamente a apuração das denúncias apresentadas contra o professor Alexandre César, atualmente licenciado para qualificação em nível de Doutorado em Direito, na modalidade Doutorado Interinstitucional (Dinter).

Comentar

ATENÇÃO! Os comentários são moderados pelo administrador do site.

(Todos os campos são obrigatório. Seu e-mail não será divulgado.)

Nome: E-mail: Comentário:
Restam caracteres.

Comentário(s) desta notícia

Não há comentários

Seja o primeiro a comentar esta matéria.