ALMT - Isso é lei
Terça-feira, 24 de outubro de 2017 -
Cidades

Barra Direto com Semana 7 / KAYC ALVES/DA REDAÇÃO

09/10/2017 12:19:00

Movimento Cidade Livre fará protesto pela retomada em obras do residencial Carvalho

Manifestantes exigem que o Poder Executivo e Legislativo do município atuem para a retomada das obras

Reprodução

Os beneficiários do programa Minha Casa Minha Vida, junto ao movimento Cidade Livre, caminharão até a Câmara Municipal de Barra do Garças, na noite de hoje (9), para pressionar a classe política do município pela retomada das obras no residencial Carvalho. Essa semana, os integrantes do movimento denunciaram em rede social a situação de abandono das obras do residencial, paradas há três anos.

Como apurou o RD News, em 2015, as obras dos conjuntos habitacionais Carvalho I, Carvalho II e Carvalho III, tocadas através do programa Minha Casa Minha Vida, foram paralisadas por falta de recurso. Em junho desse ano, a prefeitura informou que as obras seriam retomadas ainda em 2017, mas as casas continuam inacabadas e sofrendo a degradação do tempo. O Semana7 não conseguiu falar com a prefeitura, até o fechamento da matéria, para questionar sobre o retorno das obras.

Os militantes do Cidade Livre exigem que o Poder Executivo e Legislativo do município ajam para que as obras sejam retomadas. Para um dos coordenadores do movimento Felipe Morbeck, embora o residencial seja parte de um programa de habitação do governo federal, os políticos locais precisam atuar constantemente, cobrando a União.

“A obrigação dos políticos de Barra do Garças é irem à Brasília cobrar a retomada da obra. Deputados e senadores aprovaram 2 bilhões ao fundo partidário. Dinheiro eles têm, falta uma cobrança efetiva”, opina.

O Cidade Livre reunirá, nessa segunda-feira, população e beneficiários já selecionados, que receberam as casas do Carvalho, em caminhada até a Câmara, onde estará ocorrendo a sessão parlamentar ordinária. Os manifestantes se concentrarão, às 18h30, na porta da agência do Banco do Brasil, ao lado do Supermercado Mendonça.

Nessa semana, os integrantes do Cidade Livre visitaram, com os contemplados pelo Minha Casa Minha Vida, um dos conjuntos habitacionais Carvalho. Em vídeos publicados na rede social Facebook, eles expuseram a situação das casas ainda inacabadas. As imagens mostram erosões afetando a base das construções, rachaduras nas paredes, casas sem portas, sem janelas e até sem o forro. Segundo afirmam, além da ação do tempo, essas estruturas têm sido saqueadas por criminosos.

“A situação é de completo abandono. Casas sendo destruídas pela erosão e muitos furtos devido à falta de segurança. Muitos furtos de aquecedores solares, portas e até janela”, conta Felipe.

O movimento Cidade Livre se consolidou junta à polêmica da implantação do estacionamento rotativo pago em Barra do Garças, a Faixa Azul. Os integrantes têm acompanhado as discussões políticas e mostrado resistência frente aos recentes aumentos em tributações no município, como o aumento da taxa de esgoto e da taxa de iluminação pública.

Comentar

ATENÇÃO! Os comentários são moderados pelo administrador do site.

(Todos os campos são obrigatório. Seu e-mail não será divulgado.)

Nome: E-mail: Comentário:
Restam caracteres.

Comentário(s) desta notícia

Não há comentários

Seja o primeiro a comentar esta matéria.

Águas de Barra do Garças
Elaine Souza
EuMeDeiBem.com