ALMT - Isso é lei
Quarta-feira, 13 de dezembro de 2017 -
Esporte

Barra Direto com Semana 7 / KAYC ALVES/DA REDAçãO

09/10/2017 12:31:00

Atleta barra-garcense é campeão sul-americano dos 1.500 metros no Chile

O jovem ainda conseguiu a medalha de prata na prova de 800 metros, no domingo, na qual o brasileiro também participa

Reprodução

O atleta Lucas Pinho Leite, de Barra do Garças, conquistou a medalha de ouro na prova de 1.500 metros do atletismo, nos Jogos Sul-Americanos da Juventude, em Santiago, no Chile. O jovem de 15 anos venceu na sexta-feira (6), ao cruzar a linha de chegada em 4,048 minutos. Na disputa dos 800 metros, Lucas ficou em segundo lugar.

Lucas venceu o campeonato internacional concorrendo na categoria sub-17, ou seja, com competidores de 17 anos abaixo. O atleta sempre se destacou em meio a atletas com maior idade. Segundo o professor Sivirino Souza dos Santos, coordenador da Barra do Garças Associação de Atletismo (BGAAT), o jovem foi campeão sul-americano, nos jogos escolares, em 2015, na prova dos 1.000 metros, concorrendo na sub-15, quando tinha apenas 13 anos.

Líder brasileiro dos 1.500 metros na categoria sub-17, posto assumido competindo em Bragança Paulista (SP), o estudante da escola Estadual Norberto Schwants hoje também é dono do melhor tempo nacional na mesma prova da sub-18, com 4 minutos. “Lucas fez várias competições e está indo competir com atletas de alto nível”, afirma Siviriro, também vereador de Barra do Garças, que treina o jovem desde os 11 anos.

Ontem, domingo (8), às 19h, no horário de Brasília, o atleta disputou a prova dos 800 metros, na qual também representava o país, e conquistou a medalha de prata.

Mas o campeão não é o primeiro barra-garcense a conquistar o ouro nos Jogos Sul-Americanos da Juventude. Em 2010, o jovem Joseilton Cunha também venceu na competição que ocorreu em Uberlândia (MG) e, em 2014, a atleta Ana Karolyne de Campos Silva foi uma das vitoriosas.

A BGAAT, ou Casa do Atletismo, como também é conhecida, tem revelado uma legião de jovens atletas em Barra do Garças e região. Segundo o professor Sivirino, muitos jovens são promessas para a competição mundial dos Jogos Olímpicos da Juventude, que acontecem em 2018, em Buenos Aires, Argentina.

O professor também não descarta a possibilidade de barra-garcenses nas Olimpíadas de 2022 e espia a participação dos atletas da BGAAT na Liga Europeia.

A associação já soma 24 medalhas de ouro em competições internacionais e 57 em competições nacionais. Sivirino destaca também os seis recordes nacionais nas olimpíadas escolares.

Comentar

ATENÇÃO! Os comentários são moderados pelo administrador do site.

(Todos os campos são obrigatório. Seu e-mail não será divulgado.)

Nome: E-mail: Comentário:
Restam caracteres.

Comentário(s) desta notícia

Não há comentários

Seja o primeiro a comentar esta matéria.

Águas de Barra do Garças
Elaine Souza
EuMeDeiBem.com
I Help Celulares