ALMT - Isso é lei
Quarta-feira, 13 de dezembro de 2017 -
Cidades

Barra Direto / DA REDAçãO / FERNANDA SOARES

18/10/2017 11:31:00

Aumento da taxa de esgoto preocupa a população

Águas de Barra do Garças

Um dos assuntos mais discutidos nos últimos meses, na cidade de Barra do Garças, é o aumento da taxa de esgoto. Em junho deste ano já houve um significativo aumento na tarifa, que de 65 saltou para 80%. Segundo a concessionária, a tarifa referencial de esgoto (TRE) foi alterada conforme contrato de Concessão firmado junto ao Poder Concedente pelo prefeito Roberto Farias (PMDB).

Em nota enviada pela Assessoria de Comunicação Nascentes do Xingu, a empresa Águas de Barra do Garças afirma que para a revisão tarifária não existe periodicidade definida. É aplicada quando ocorrerem fatos que, comprovadamente, alteraram as condições fixadas inicialmente no contrato de concessão, podendo sofrer aumento ou decréscimo. Atualmente, o usuário residencial que utiliza até 10 m³/mês paga pelo consumo de água o valor de R$ 26,10 e pelo consumo de esgoto o valor de R$ 20,90.

O vereador Julio Cesar (PSDB) vem se posicionado contra o aumento desde fevereiro deste ano, quando tomou a iniciativa de propor, junto ao Ministério Público, uma Ação Civil Pública para impedir que essa tarifa seja cobrada dos contribuintes. “O faturamento da empresa responsável passou dos 40 milhões de reais nos anos de 2013, 2014 e 2015. Uma das justificativas do prefeito no decreto foi a perca inflacionária da empresa, ou seja, esse aumento seria para suprir os investimentos feitos no setor. Mas este argumento é inválido, pois segundo documentos, foram arrecadados quase 50 milhões desde o ano de 2013, com um investimento de 12 milhões, como eles mesmos disseram em várias propagandas”, afirma o vereador.

Para o professor Alessandro Matos Nascimento a atual taxa de esgoto é impensável. “A água é um bem público e foi privatizado. O metro cúbico aqui tem um valor e, de acordo com as escalas de cobrança, a cada 10 metros cúbicos acontece um aumento. Tivemos relatos de pessoas que afirmam que o valor de suas contas subiram quase 300%. E ainda existe uma previsão de que até 2023 a taxa aumente para 100%, se a empresa provar que 100% da cidade possui esgoto tratado. Mas vamos lutar e muito para que haja uma sensibilização, e se necessário for, vamos as últimas instancias para que a empresa entenda que a população não pode pagar para que o lucro excessivo seja apenas o fim“.

A Prefeitura Municipal de Barra do Garças até o fechamento desta matéria não enviou nota a essa redação.

Comentar

ATENÇÃO! Os comentários são moderados pelo administrador do site.

(Todos os campos são obrigatório. Seu e-mail não será divulgado.)

Nome: E-mail: Comentário:
Restam caracteres.

Comentário(s) desta notícia

Não há comentários

Seja o primeiro a comentar esta matéria.

Águas de Barra do Garças
Elaine Souza
EuMeDeiBem.com
I Help Celulares